Menu Principal

terça-feira, 26 de abril de 2016

Curiosidades #13 - Existe algum livro sagrado para os budistas?

Aproveitando a deixa, já que vimos dois posts bem interessantes relacionados ao budismo [Incríveis templos budistas pelo mundo e Conheça o Myanmar, o país dos Templos Budistas]. Fica aí a pergunta:


Será que existe algum livro sagrado para os budistas? Confira e descubra a resposta.

- Existe sim, esse livro se chama Tripikaka e metaforicamente significa "os três cestos de flores", [त्रिपिटक, do páli tri, "três" e pitaka, "cesto"] e é uma compilação dos ensinamentos budistas tradicionais, conforme preservados pela escola Teravada. Ele também é conhecido como cânon páli, por ter sido originalmente escrito nesta língua.

Uma seção do diamante Sutra, escrito à mão por Zhang Jizhi em 18 de julho de 1253 durante a dinastia Song.
O primeiro cesto é o cesto dos Sutra, que agrupa os ensinamentos do próprio Buda, através de uma série de conversas e sermões colectados por um dos seus mais próximos discípulos.

Veja alguns exemplos interessantes de ensinamentos budistas:




O segundo cesto é o cesto do Vinaya, onde estão reunidas as regras disciplinares a que estavam obrigados a seguir todos os que fazem parte da comunidade monástica, a Sangha. O núcleo dos dois primeiros cestos é contemporâneo do próprio Buda.

Falando em palavras mais simples, a Sangha é a ordem de monges budistas ordenados (bhikkus) e monjas (bhikkunis), fundada por buda a mais de 2.500 anos atrás. Foi estabelecida para fornecer um meio para aqueles que desejassem praticar a tempo inteiro a Dhamma, de forma direta e altamente disciplinada, livre de muitas das restrições e responsabilidades da vida familiar. O Sangha também cumpre a função de preservar os ensinamentos originais do Buda e de prover apoio espiritual para a comunidade budista.

Na foto: Os discípulos do venerável Ajahn Chah, seguido por seus próprios discípulos. Foto tirada em 2008 no nordeste da Tailândia. no mosteiro de Wat Pah Pong Sangha.
E para não delongar demais, o terceiro cesto é o cesto dos Abhidharma, que são textos budistas que contém esquematizações detalhadas dos ensinamentos contidos nos sutras. São geralmente resumos no formato de listas sistemáticas. Existem variados abidarmas de acordo com as escolas. Os mais conhecidos hoje são, no contexto da língua páli, o do theravada e do sarvastivada, e no contexto do budismo derivado do sânscrito [os budismos traduzidos para o chinês, tibetano e japonês], o Abidarmasamuccaya [da yogachara] e o Abidarmakosha, respectivamente de Asanga e Vasubandu. O Abidarmakosha é um resumo das tradições Vaibhasika [uma forma de sarvastivada] com a adição de algumas perspectivas sautrantikas. 

O Buda pregando o Abhidhamma no Trayastrimsa, no céu.
Para fecharmos com chave de ouro, conheça algumas curiosidades sobre o budismo:


O Budismo está concentrado na cor laranja, nesse mapa.
- A China é o país com mais budistas no mundo, totalizando mais de 100 milhões de devotos, seguido pelo Japão [95 milhões], Tailândia [58,3 milhões], Vietnã [44,2 milhões], Myanmar [42,5 milhões], Sri Lanka [14,5 milhões], Camboja [11 milhões], Coreia do Sul [9 milhões], Índia [7,3 milhões] e Taiwan [5,5 milhões];

- O budismo dividiu-se em várias escolas, das quais algumas vieram a se extinguir. A principal divisão atualmente existente é entre a escola Theravada (sudeste asiático) e as linhagens Mahayana (ex.: Zen japonês e Chan chinês) e Vajrayana (tântricas, budismo tibetano);

- Os ensinamentos do budismo se baseiam na crença de que o ser humano reencarna diversas vezes, sempre pagando pelos erros cometidos na sua vida passada, revivendo sempre os sofrimentos mortais. Tal crença é conhecida como carma. A única maneira de acabar com esse processo de reencarnações seria atingir o Nirvana. Muitos adeptos acreditam que as encarnações podem acontecer em animais também, por isso muitos passam a ser vegetarianos;

O Templo Zu Lai fica em Cotia, na Grande São Paulo, e hoje leva o título de maior templo budista da América Latina. 
- O Brasil abriga a maior colônia estrangeira de japoneses e descendentes, e essa comunidade nipônica trouxe consigo uma variedade de sacerdotes e instrutores budistas. No entanto o budismo não é tão difundido entre descendentes de japoneses no Brasil, que em sua maioria são católicos;

- O Leshan Giant Buddha é a maior estátua de Buda de pedra do mundo e foi esculpida sobre um penhasco. Está situada em Sichuan, na China durante a dinastia Tang, que durou entre os anos 618 e 907;






Se tiver gostado e quiser ver mais postagens dessa mesma Coleção, clique no álbum abaixo:


Até a próxima!



Fontes Pesquisadas:

https://viagem.catracalivre.com.br/brasil/roteiro-viagem/indicacao/maior-templo-budista-da-america-latina-fica-em-sao-paulo/
https://en.wikipedia.org/wiki/Abhidharma

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Botão Voltar ao Topo